O Navio Príncipe Perfeito

Dez dias da barra do Tejo ao Lobito. A Luisa, fez onze anos a bordo. Festejou-se a passagem do Equador, com o mar encrespado.


19.393 Toneladas
190,4 Metros
1000 Passageiros
No activo de 1961 a 1976
Companhia Nacional de Navegação

O Principe Perfeito
1967 Outubro - Jantar a Bordo


Epílogo:

Em Janeiro de 1976, o Príncipe Perfeito ficou ancorado em Lisboa. Em Abril, foi vendido a uma empresa panamenha, que o transformou no navio residencial AL HASA. Em 1980 foi de novo vendido para ser tansformado no cruzeiro americano FAIRSKY. Mas o novo armador desistiu da reconstrução, e colocou-o à venda, com o nome de VERA. Em 1982 um armador grego comprou-o, baptizou-o de MARIANNA IX e transformou-o em residência de peregrinos, perto de Meca. Serviu depois de acolhimento para desalojados do terramoto de Kalamata. Apesar de anos de inactividade, em 1998, o MARIANNA 9 estava muito bem conservado, a aguardar reparações exteriores de cosmética e interiores de uma caldeira. Mas, infelizmente, não apareceram compradores e foi vendido em meados de 2001, para sucata. Da vasta frota portuguesa, resistiam em 2003, o FUNCHAL, em cruzeiros regulares pela costa brasileira , e o INFANTE D.HENRIQUE, com o nome de SEAWIND CROWN, depois de ter sido VASCO DA GAMA.
Mas, em Dezembro de 2003, também o SEAWIND CROWN foi vendido para sucata.

Actualizado no dia 18 de Fevereiro de 2004